O Maior Site de Notícias de Piripiri!
alt-05fff8484a.jpg SOCIEDADE ALTERNATIVA

Atilio Morais - (86)99970-3286 atilio.pi@hotmail.com

PUBLICIDADE
botao--6952.gif
botao--9784.gif
botao--1794.gif
botao-kingdon--6271.gif
botao--5125.gif
botao--5332.png
botao--1912.jpg
botao--1091.jpg
botao--6275.gif
botao--5108.jpg
botao-Borracharia-Central-5894.jpg
botao--9287.jpg
botao-park-village-5502.png
botao--6770.jpg
botao--9878.jpg
botao--7247.jpg
botao--7813.gif
botao-Raphael-Assuncao-1046.jpg
botao--8067.gif
botao--3147.gif
botao--6833.jpg
botao--7347.jpg
botao--1259.gif
botao--5090.gif
botao--7144.gif
botao--5110.gif
botao--9382.jpg
botao--134.jpg



Ciclovia

Faça ciclovias e os ciclistas virão!

A população e meio ambiente agradecem!



03/04/2016

O grupo Sociedade Alternativa foi criticado quanto as ideias inovadoras que vem falando e postando aqui na coluna e também em roda de amigos da seguinte forma:

Crítica: As ideias que vocês estão propondo são coisas de cidades grandes.

Nossa resposta: O que faz uma cidade crescer e se tornar grande é a implantação de ideias inovadoras que deram certo e já existem em outras cidades nosso grupo tem o pensamento de que boas ideias merecem e devem ser compartilhadas e claro colocadas em pratica.

E o Projeto Faça Ciclovias e os Ciclistas Virão é mais uma ideia do grupo para ser implantada aqui em Piripiri. Conforme falamos em outros posts não estamos aqui querendo ensinar a gestão pública a trabalhar e nem sabemos os trâmites legais para a implantação desse projeto.

O que sabemos é que o tal do “Ninguém anda de bicicleta” é um argumento muito raso, apesar de bastante usado pelos críticos das ciclovias. A verdade é que vários cidadãos piripirienses andam sim de bicicleta, embora o trânsito caótico, cheio de motoristas estressados que vira e mexe atropelam um ciclista, iniba a prática. É preciso criar infraestrutura para que os simpatizantes da bike saiam do armário.

Apostar em estruturas cicloviárias não faz bem, apenas, para a mobilidade da cidade e a saúde da população. O investimento pode, também, favorecer o orçamento do município.

Um estudo feito por pesquisadores da Universidade de Auckland
, na Nova Zelândia, calculou o custo-benefício da construção de ciclovias nas cidades e concluiu que: a cada US$ 1 investido em estruturas cicloviárias, pode-se economizar de US$ 6 a US$ 24. Se convertermos para a moeda brasileira, R$ 3,56 (cotação do dólar em 03/04/2016) destinados a ciclovias poupam, aproximadamente, de R$ 21,38 a R$ 85,50 aos cofres municipais. É ou não é um bom negócio?

A maior economia é, disparado, na área da saúde e meio ambiente: em longo prazo, a construção de ciclovias reduz os índices de mortalidade por praticamente todas as causas, além de diminuir a frequência com que a população adoece.

Publicada na revista científica Environmental Health Perspectives, a pesquisa ainda dá a dica: as ciclovias que causam maior benefício (e, consequentemente, economia) às cidades são as que não ficam junto com as pistas automotivas.

Então, o que você acha de uma ciclovia partindo da entrada da cidade vindo de Teresina cortando por dentro de Piripiri e acabando na saída pra quem vai para Brasileira, não seria ótimo?

E outra ciclovia partindo do Parque Curumi até o nosso maior tesouro o Açude Caldeirão seria maravilhoso, sem falar nos benefícios que citamos no post Turismo Lado a Lado com Desenvolvimento que você pode ler mais abaixo.

E como sempre falamos boas ideias merecem ser compartilhadas se gostou compartilha a ideia, curti nossa pagina social e nós ajude a transformar Piripiri em uma grande cidade!

Forte abraço

Sociedade Alternativa
A mudança começa em mim.


fontes:
http://economia.uol.com.br/cotacoes/
http://ehp.niehs.nih.gov/1307250/
http://www.thegreenestpost.com/









1 2 3 4 5 6 7 8 9 10